Glaucoma

O que é?

O glaucoma é uma doença caracterizada por uma neuropatia associada a alterações do campo visual, lesão do nervo óptico e de determinadas camadas da retina, cujo principal fator de risco é a pressão intra ocular elevada, mas também pode ocorrer glaucoma de “baixa pressão”.

 

É uma doença crônica e tem como característica a perda silenciosa e progressiva do campo de visão e de fibras nervosas que pode levar à cegueira irreversível se não diagnosticada precocemente e não tratada de maneira adequada.

 

Quanto mais precoce for o diagnóstico, tratamento e acompanhamento, maiores serão as chances de se evitar a perda da visão.

O tipo de glaucoma mais comum é o glaucoma de ângulo aberto mas é o glaucoma agudo o mais perigoso.

Sintomas

O glaucoma é considerado a principal causa de cegueira irreversível no mundo, e isso ocorre por ser um quadro que não apresenta sintomas em grande parte dos casos, exceto o glaucoma agudo que é doloroso.

 

A doença pode estar presente e a pessoa não percebe causando uma piora do quadro e progressivamente uma lesão irreversível do nervo que, por sua vez, afeta o campo de visão.

 

Segundo alerta da Organização Mundial da Saúde (OMS), são registrados 2,4 milhões de novos casos de glaucoma anualmente, o que totaliza 60 milhões de pessoas no mundo.

 

No Brasil, de acordo com a Sociedade Brasileira de Glaucoma, a doença atinge 2% dos brasileiros acima dos 40 anos, resultando em cerca de um milhão de pessoas.

Tratamento

A principal forma de tratamento do glaucoma é através da redução da pressão intraocular. Atualmente as técnicas mais utilizadas para a redução da pressão intra ocular são a utilização de colírios hipotensores, laser e cirurgia filtrante.

 

O laser e a cirurgia estão indicados quando ocorre a impossibildiade de controlar a pressão dentro de níveis seguros. 

Entre as opções de laser para o tratamento do glaucoma, destacamos a trabeculoplastia seletiva (SLT) e o novo Laser micropulsado Diodo G6 como as principais opções na atualidade. Ambos são não invasivos e indolores. 

 

O tratamento com laser diodo micropulsado G6 é um procedimento efetivo que diminui a pressão intraocular para vários tipos de glaucoma, inclusive os refratários.

 

Os pacientes com boa visão também podem se beneficiar deste tratamento. Ele é feito com uma sonda colocada externamente sobre a conjuntiva (transescleral) na região do corpo ciliar e vai atuar diretamente na diminuição da produção do humor aquoso.

 

O laser da trabeculoplastia seletiva é um laser frio nanopulsado, que atua diretamente na  permeabilidade da malha trabecular, facilitando o escoamento (limpando o ralo do olho) sem causar danos ao tecido.

 

Trata-se de um tratamento rápido, praticamente indolor, com poucos efeitos colaterais e eficaz para o controle da pressão intraocular para pacientes com glaucoma de ângulo aberto. 

Acompanhamento

O acompanhamento e controle do glaucoma é o melhor que o portador da doença pode fazer para preservar sua visão.

Uma visita regular ao seu oftalmologista com medida da pressão ocular e exames específicos (campo visual, análise das fibras nervosas - OCT do nervo óptico, retinografia e eletroretinografia) detectam as alterações sutis que podem conduzir a uma melhora do tratamento.

Faça o agendamento online. É fácil, rápido e seguro.

©  Clínica de Olhos Benchimol. Todos os direitos reservados.                         Criado por Contenuti

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn